FIM DE FESTA NA CASA BRANCA

A soma dos acontecimentos divulgados ontem à noite pela televisão fez-nos perceber que acabou, enfim, o tempo Dick Cheney, de George Bush e dos demais belicosos que estão ocupando Casa Branca nesses últimos anos.

Sob o pano de fundo de uma queda generalizada das bolsas de valores e da possível recessão da economia americana –anunciada, esta última, por Allan Greenspan – a Secretária de Estado anunciou que, afinal, seu governo concordou em participar, em Bagdá, de uma reunião com representantes da Síria e do Irã para tentar solucionar a questão do Iraque, o que importa na admissão de conversar com os até então irreconciliáveis inimigos aparentemente sem pressões ou condições prévias.

Ao mesmo tempo o talibãs praticaram um atentado suicida contra o vice-presidente Cheney, que quase deu certo, o que mostra que eles, depois de mais de cinco anos da presença militar estrangeira em seu país, estão se rearticulando.

Ainda bem que a Condoleza Rice – única autoridade política do grupo a quem restou alguma credibilidade – acompanhará o pres. Bush na viagem deste ao Brasil.

O clima para seus colegas da Casa Branca é de evidente fim de festa.


Deixe um comentário

Seu e-mail nunca será publicado.