CRESCENDO DE DIA

Dizia-se, há tempos, que o Brasil crescia de noite.

Agora, ao que tudo indica, começou a crescer de dia.

O incremento do PIB, de 4,3%, foi, ao ver do presidente da República, “mais ou menos”, embora, segundo os analistas, não se tenha caracterizado mais como um “vôo da galinha”.

Todas essas metáforas fazem-nos acreditar que não só estamos crescendo de dia, como que poderemos, em breve, voar como os pássaros.

Queira Deus !


Deixe um comentário

Seu e-mail nunca será publicado.