A AMÉRICA DO SUL DERROTA BUSH

O grande derrotado no episódio da agressão, pela Colômbia, da soberania do Equador foi o presidente americano que não conseguiu semear a política de guerra na região.

A unanimidade da decisão – extremamente rápida – da OEA foi uma resposta à tentativa de intromissão belicista dos EUA nos assuntos latino americanos e servirá como referência para a reformulação da política norte americana na região.

É lamentável que alguns comentaristas dos jornais brasileiros, preocupados em criticar o presidente Hugo Chávez, não tenham percebido o significado da decisão da OEA, e da vitória da diplomacia brasileira, no episódio.

O fato é que a Colômbia pediu desculpas ao Equador e isso representa o triunfo da tese brasileira de que a estabilidade da nossa região deve ser preservada mesmo diante das manobras americanas a favor da instabilidade.


Deixe um comentário

Seu e-mail nunca será publicado.