SARKOZY

Um líder mundial que saiu fortalecido do episódio da guerra entre a Geórgia e a Rússia foi Nicolas Sarkozy que mediou, com sucesso, o acordo entre os dois países, restabelecendo a relevância da França no cenário internacional.

Quanto à George Bush, ele falou grosso, mas, como diz o Estadão de ontem, ninguém ouviu. “Com o exército americano atolado no Iraque e no Afeganistão, ficou claro que o poder de dissuasão de Washington tem um limite, tanto que foi Sarkozy quem mediou o conflito”.

Na verdade a papel público dos EUA no caso foi muito apagado: pareceu, até, o de uma potência de menor importância, protestando burocraticamente contra algo que a desagradava.

A que ponto degradante o partido republicano, no poder há oito anos, conseguiu levar o governo americano !


Deixe um comentário

Seu e-mail nunca será publicado.