EM BUSCA DO OURO

Os investidores correm, então, em busca do ouro ( cujo preço subiu mais de 11% nos mercados internacionais ) por imaginarem que ele tem valor.

O ouro, contudo, como KEYNES nos ensinou, é uma relíquia bárbara.

Ele só “tinha” valor quando as peças monetárias emitidas pelos governos eram de metal.

O ouro valia, portanto, porque era peça monetária; como, hoje, ele não é dinheiro, ele não vale.

Não adianta, pois, comprar ouro.

É preciso, isso sim, ousar saber o que é a moeda.


Deixe um comentário

Seu e-mail nunca será publicado.