AS FORÇAS ARMADAS DOS ESTADOS AUTOCRÁTICOS

Lembro-me do momento em que o exército persa curvou-se, reverencialmente,  aos pés do aiatolá  KHOMEINI, que voltava do exílio na França para liderar a revolução popular de que resultou a queda do xá REZA PALEHVI e, mais tarde,  a instituição do atual Estado teocrático no Irã.

Agora, no norte da África e no Oriente Médio, estamos constatando uma conduta semelhante das forças armadas diante dos povos dos países árabes, o que está  provocando a queda de ditadores que, até há pouco, pareciam firmes no poder.

Essa é uma das muitas lições que podem ser tiradas da transformação surpreendente  pela qual passa aquela região do mundo.


Deixe um comentário

Seu e-mail nunca será publicado.