A POLÍTICA E OS PREÇOS DO GOVERNO

Sob o título “Preços do governo pressionam inflação ” o repórter do Estadão, Alexandre Rodrigues, demonstra o peso enorme que as tarifas de serviços públicos têm nos índices de custo de vida, e que isso é resultado da pressão de lobies que dificilmente vão querer arcar com algum “imposto inflacionário”.

A administração das tarifas deve ser um fator de redução, e não de aumento, dos preços dos serviços públicos, o que não funciona no Brasil, onde se dá o contrário.

É muito fácil, porém – pelo menos do ponto de vista jurídico –  acabar com isso: basta editar uma norma dizendo que as tarifas dos contratos de serviços públicos, ao invés de serem reajustadas a cada ano, ficarão dois ou mais anos sem reajuste.

O que falta, aparentemente, são condições políticas ( eu quase ia dizendo coragem … ) para fazer isso.


Deixe um comentário

Seu e-mail nunca será publicado.